Sábado, 11 de Fevereiro de 2012

O capital é neutro: os capitalistas não!

 

O capital é neutro: os capitalistas não!

 

 Por isso, se eu tivesse de escolher os investidores para o meu pais começaria por descartar os alemães,chineses, americanos e outros famosos e poderosos. A preferência seria dos angolanos e outros da nossa laia

 

Rejeitaria também qualquer investidor  que só quer produzir no nosso País apenas uma  parte   do que já produze no seu; para, desse modo, garantir o mercado parcialmente conquistado.

 

Não sou contra os capitalistas que recusaria, mas sou contra a prepotência daqueles  que não levam em conta o solidariedade que os menos poderosos esperam,

 

Os investidores portugueses sabem que o seu capital mais o de pequenos acionistas, e a tecnologia de que dispomos é algo suficiente para alavancar a nossa produção.  Também os poupadores, pequenos e grandes devem comprar quanto poderem da divida portuguesa. Assim podemos ficar com parte dos juros que teríamos de pagar com muito sacrifício

 

Os acordos internacionais,  como o de livre comercio e OMC, não deram certo  Por isso a solução está na decisão de criar uma feira  " Virtual"  em que, cada País, mostre ao mundo o que precisa. importar e o excesso de produção que tem para vender. Aí vale a concorrência de preços.e a permuta

 

Porem como nenhum produto poderá entrar no país importador com preço inferior ao congênere nacional, então, o fisco de cada pais, terá de cobrar do importador; a diferença .

 

Nesse caso  a preferência de compra sempre será dada ao  fornecedor que  vende mais barato.  visto que a medida que iguala o preço ao entrar no país  visa, somente, livrar os produtores nacionais da concorrência dos estrangeiros. Sugestão  do:

 ) meu livro e sindicato dos excluídos R Z D ) meu livro e sindicato dos excluídos R Z D

publicado por blopesdarocha às 21:04
link do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. Reforçando o combate à co...

. Espaço Sideral

. Confissões, Broncas e Des...

. Natal de famintos e empan...

. PIB isquêmico

. Plano de Lula para zerar ...

. A solução para a crise po...

. Criticar sem sugerir (mes...

. O euro veio para ficar e ...

. O euro veio para ficar

.arquivos

. Agosto 2017

. Junho 2017

. Agosto 2015

. Dezembro 2013

. Setembro 2013

. Junho 2013

. Abril 2013

. Dezembro 2012

. Junho 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Novembro 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Fevereiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds